Descubra por que maio é o melhor mês para visitar Madrid

Costumo contar no blog que eu adoro acompanhar as transformações de Madrid com a chegada de uma nova estação. Não tivemos um inverno rigoroso neste ano (ufa), mesmo assim é impressionante como o humor e a energia dos madrilenhos mudam para receber a primavera, minha estação favorita em Madrid.

O clima neste período é agradável, nem quente nem frio, e todos os eventos são ar livre, bem do jeito que o povo gosta por aqui. Mas é importante ficar de olho na previsão do tempo, porque pode acontecer alguma mudança brusca. Nos últimos dias, por exemplo, choveu e a temperatura caiu de repente.

Festas

Há bons motivos para visitar a capital em todos os meses do ano, mas eu acho maio imbatível. A começar pelas festas de rua, que são muitas ao longo do mês. A mais famosa acontece bem no meio de maio. Todos os anos, a cidade para durante cinco dias para festejar San Isidro, o padroeiro de Madrid.

Descubra um pouco do que rolou em 2018 neste post.

sanisidro2
San Isidro 2018

Você pode argumentar que em agosto as ruas de Madrid também se enchem de festejos. A diferença é que a temperatura amena de maio deixa qualquer programa ao ar livre bem mais agradável do que no meio do ano, quando o calorão seco de Madrid entra em ação.

Festivais

Maio também é um mês sensacional para quem curte shows. Antigamente Madrid perdia feio para Barcelona quando o critério era festival de música. O negócio foi mudando e agora a capital tem também uma programação de respeito. Em maio, você pode curtir o Sound Isidro e o Tomavistas por aqui.

O primeiro não tem um formato tradicional. Durante o festival, rola uma série de shows em vários pontos da cidade, com atrações de diferentes estilos e preços acessíveis. Já o segundo acontece no Parque Enrique Tierno Galván, um dos meus parques preferidos em Madrid.

Terrazas

Seguindo a linha de programas a céu aberto, você pode e deve se jogar nas terrazas de Madrid em maio, quando a cidade já começa a ganhar cara de verão, mas sem o calor infernal que se instala de junho a agosto.

Há mais de 4.800 terrazas de bares e restaurantes na capital. Opções não faltam, inclusive nas alturas (azoteas). Algumas têm belas vistas e são disputadíssimas durante o pôr do sol, como a Azotea del Círculo de Bellas Artes.

FullSizeRender
Gourmet Experience do Corte Inglés de Callao

Ali pertinho, no último andar do Corte Inglés de Callao, você vai encontrar o Gourmet Experience, que tem um espaço aberto bem agradável. Outro rooftop que faz sucesso nos meses de primavera e verão é o do Mercado de San Antón, em Chueca.

Já em La Latina, bairro boêmio e ainda na zona central, há duas das azoteas favoritas da cidade: a do restaurante El Viajero e a do hostel The Hat, ambas no último andar dos edifícios.

E, a poucos metros do Palácio Real, na Calle de Bailén, fica uma das terrazas com vistas mais bonitas de Madrid. Se chama Las Vistillas e é a terraza do restaurante El Ventorillo, de onde você pode ver a Catedral de la Almudena (e um lindo pôr do sol).

Parques

É bem possível que você se surpreenda com o tanto de área verde que Madrid tem. Um dos meus parques preferidos fica às margens do Rio Manzanares. O Madrid Río existe desde 2011 numa área que era antes ocupada pela rodovia M-30. Tem vários quilômetros de extensão e é perfeito para uma tarde de primavera (vale piquenique, vale andar de bicicleta…).

retiro_rosaleda
Rosaleda do Parque del Retiro

As rosaledas dos parques também oferecem um passeio bem gostoso em maio, quando rola uma invasão de rosas para festejar a primavera. Destaco os jardins floridos do Parque del Oeste e do Parque del Retiro (que é enorme e absolutamente imperdível).

Abre parêntesis: se você estiver em Madrid no dia 31 de maio, aproveite para visitar o primeiro dia da Feria del libro (uma espécie de Bienal ao ar livre), que acontece todos os anos no Retiro.

Agora, se o foco for curtir o pôr do sol lindão de Madrid, sugiro que vá até o Templo de Debod, pertinho da Plaza de España, ou ao Cerro del Tío Pío, mais conhecido como Siete Tetas, em Vallecas – de onde é possível ver boa parte da cidade e de seus edifícios emblemáticos.

Cerro del Tío Pío

Ou misture todas as dicas e curta um dia bem maravilhoso de primavera! ❤

  • Fotos: Joana Tiso / Entre tapas y cañas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.