Motivos para se apaixonar pelo outono madrilenho

Minha estação favorita em Madrid continua sendo a primavera, mas é difícil encontrar alguém por aqui que não morra de amores pelo outono. Além de trazer alívio depois de pelo menos dois meses de muito calor e muita secura, o outono é uma época cheia de eventos legais pela cidade – muitos de comes e bebes – e a agenda cultural volta com tudo.

Além disso, é um momento importante em Madrid, já que as férias de verão acabam no início de setembro e o ano, enfim, recomeça. Mais ou menos como aquela sensação pós-Carnaval no Brasil.

A nova estação chegou no dia 23 de setembro, mas é em outubro que ela começa a ser notada e, de fato, sentida. Aos poucos, os dias ficam mais curtos e frios, as folhas cobrem os parques e, quando você menos espera, toma um susto com as filas para a loteria de Natal e a enorme árvore da Puerta del Sol.

Mas, afinal, por que o outono de Madrid é tudo de bom? Pois bem, te dou alguns motivos.

Céu de outono e folhas secas

Minha vista durante o outono (Joana Tiso / Entre tapas y canãs)

A começar pelos dias bonitos. Setembro e outubro são meses com temperaturas agradáveis e cores lindas durante o pôr do sol. Não tem céu mais bonito em Madrid do que o de outono. Leve em conta que este é um período em que pode chover vez ou outra, mas a regra é céu colorido.

Para curtir o pôr do sol deslumbrante do outono, visite os mirantes do Templo de Debod e do Cerro del Tío Pío, mais conhecido como Parque de las Siete Tetas. A Dalieda de San Francisco, colada na linda Basílica de San Francisco El Grande, tem um mirante que também vale a visita.

E um clássico é o mirador do Palacio de Cibeles, bem no coração de Madrid e de onde você pode ver, por exemplo, a Gran Vía e o Parque del Retiro  (e um belíssimo pôr do sol, claro).

Se o foco for passear pelos parques, com suas árvores coloridas – num tom entre amarelo e vermelho durante o outono – e folhas por todo lado, é imprescindível conhecer o Retiro, o mais famoso da capital. É um programa espetacular o ano inteiro, mas absolutamente imperdível no outono.

Outro passeio gostoso durante a estação das folhas secas é pelo Campo del Moro.

Templo de Debod (Joana Tiso / Entre tapas y canãs)

Comes e bebes

Os eventos gastronômicos são outro ponto alto do outono. O mais esperado é o Tapapiés, um concurso de tapas anual em Lavapiés, bairro mais multicultural de Madrid. De 17 a 27 de outubro neste ano. Outro evento popular no outono é o Oktoberfest do WiZink Center, que volta pelo sexto ano à capital. De 24 a 26 de outubro em 2019.

Se Tapapiés e Oktoberfest já viraram tradição, o Van Van Market tenta ganhar terreno por aqui – depois de fazer bastante sucesso em Barcelona. Neste fim de semana, 5 e 6 de outubro, o mercado leva seus food trucks para o Centro Cultural Conde Duque (e com entrada gratuita).

Estes são só alguns dos muitos eventos gostosos que rolam em Madrid por agora, principalmente em outubro.

Clima de Natal

Nunca dei muita bola para o Natal, mas passei a curtir mais aqui em Madrid. No fim de novembro, a cidade acende suas luzes e entra totalmente no clima natalino. Destaque para a iluminação da Gran Vía, do Sol e da Calle de Alcalá – entre Plaza de Cibeles e Puerta de Alcalá (costuma ser a minha preferida). Todos estão na zona mais turística de Madrid.

Você pode desbravar o centro a pé ou pegar o Naviluz, ônibus que percorre muitas das ruas com decoração de Natal. O trajeto dura entre 40 e 50 minutos, com início e fim na Plaza de Colón. Há uma única parada (opcional) na Gran Vía, apenas para descida.

É fundamental ficar de olho no site ou nas redes sociais da EMT (Empresa Municipal de Transportes) para comprar o bilhete assim que a venda é anunciada. A disputa é grande e sempre esgota rapidinho. E leve casaco e acessórios de frio, porque eu bati queixo lá em cima do ônibus.

Calle de Alcalá (Joana Tiso / Entre tapas y canãs)

Extra

A agenda cultural também costuma ser animada nos meses de outono. Neste ano, é bom ficar de olho na programação do bicentenário Museo del Prado. As comemorações dos 200 anos da instituição de arte mais importante da Espanha vão até novembro.

E sempre vale a pena conferir a agenda do Festival Internacional de Jazz, que domina o calendário de novembro em Madrid há tempos. De 28 de outubro a 30 de novembro neste ano.

* Crédito da foto em destaque no post: All you need is photo | tirada no Encontro Europeu de Blogueiros Brasileiros em Madrid.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.